BOAS-VINDAS!

Viva o hoje!
Sinta-se bem,
Sintonize-se com a vida!

SolBatt

quinta-feira, 2 de abril de 2009

RESULTADO VI CONCURSO LITERÁRIO VIRARTE

RESULTADO VI CONCURSO LITERÁRIO VIRaRTE

O VI Concurso Literário virArte foi um sucesso graças à participação de todos, foram 165 poemas concorrentes, 60 autores, os quais, por sua qualidade artística, deram muito trabalho à Comissão Julgadora, a qual agradecemos o empenho e a dedicação:
Chico Sosa – de Santa Maria
Ilda Maria Costa Brasil – de Porto Alegre
Maria Regina Caetano – de Santa Maria


Premiados:

1º lugar – Cosme Custódio da Silva – Salvador (BA)
Poetamante

2º lugar – Haydée Hostin Lima – Santa Maria (RS)
Tempo

3º lugar – Luiz Gondim – Rio de Janeiro (RJ)
Heranças

Troféu Talento Jovem - Geovani Rios – São Luiz Gonzaga (RS)
A superfície do mal

Troféu Primeiras Letras - Virgínia Tarouco – Santana do Livramento (RS)
Minhas sete maravilhas

Troféu Escrevinhador – Wilson Guanais – São Paulo(SP)
Instantâneo


Menções honrosas

4º lugar – Cosme Custódio da Silva – Miragens
Reginaldo Albuquerque – Pião

5º lugar – Cosme Custódio da Silva – Fino tecer
Miguel Russowsky – Laços desfeitos
Olga Amorin – Meu rosto de menina
Wilson Guanais – Apontamento, Limitação

6º lugar– Onilse Pozzobon – Magia
Amne Pergola – Escute o vazio
Olga Amorin – A Santa, Viver

7º lugar– Bernardo A. Dantas – O barqueiro
Luiz Gondim – Oscilações
Maria Romana – Apenas... fantasia
Ney Eichler Cardoso – Sonho

8º lugar– Alda Paulina – Ausências
Geovani Rios – A ilusão do nada
Matheus Paz – Bosquejo
Pryscila Finger do Prado – O poema
Selma Marfil – Pássaro peregrino

9º lugar– Nair Calegaro – Casa de loucos
Reginaldo Albuquerque – Convite de noivado

10º lugar–Clevane Pessoa– haicais de gatinhos desiguais
Josafá Sobreira – Maldito roteiro
Pryscila Finger do Prado – O míope
Raimundo Nonato – Conflito I
Sônia Sobreira – Pedaços de mim


Classificados

11º lugar – Luiz Antonio Silva Dias – Quem
Pryscila Finger do Prado – Conjugações
Rita Velosa – Ponto de vista ilusório
Sônia Sobreira – A semente

12º lugar – Adora Padoim – Navegar
Fátima S. Rodrigues – Busca
Fernando Catelan – Celeste, Por amor se faz
Josafá Sobreira – Poeta oculto
Miguel Russowsky – Ser poeta
Ney Eichler Cardoso – Nada de novo
Reginaldo Albuquerque – Disse chamar-se Eva

13º lugar – Aparecida de Sales - Liberdade: um milagre
Augusto Sperchi – Devenir
Diamantino Ferri – Minha roça
Luiz Antonio Silva Dias – Pandorga, Fuga
Pam Orbacam – Apelo

14º lugar- Adriana Pavani – Alma de poeta
Diamantino Ferri – Busca insana
Fernando Catelan – Distância amara
Filemon Krause – Pharmácia Conceição
Fortunato Oliveira – Suave desengano
Geovani Rios – O imponderável, o futuro
Hazel de São Francisco – Ano Novo
Josafá Sobreira – Matutando
Luiz Gondim – Lágrimas, Resgate
Nere Beladona – Natureza agoniza
Pryscila Finger do Prado – Poema
Sarah Passarela – Abismo
Selma Marfil – Desencanto

15º lugar– Adriana Pavani – Poetar
Amne Pergola - Lirismo
Antônia Nery Vanti – Amor e confiança
Aparecida de Sales – Misérias descabidas
Brunel da Cruz – Lenitivo I
Byrata – Poesia
Fátima S. Rodrigues – Espólio
Larí Franceschetto – des construção, Num lugar, agora
Luiz Gondim – S.O.S.
Miguel Russowsky – Natal
Nere Beladona – Anjos e cor
Pryscila Finger do Prado – Triolet, s/ título
Raimundo Nonato – Terna imagem
Sarah Passarela – Presságio

16º lugar – Alda Paulina – Para quem?
Amélia da Luz – Gestação
Amne Pergola – Bacanalidades
Bernardo A. Dantas – A vida começa todos
os dias, Mãos vazias
Brunel da Cruz – Pobreza humana
Fátima S. Rodrigues – Belas artes
Francisca Messa – Enigma
Ignez Izquierdo – Expondo
Mariza Alvares – Saber e sabor
Matheus Paz – Tempo de minhocas
Nere Beladona – Sombras
Neuza Zavaglia – Pátria, Um planeta...
Ney Eichler Cardoso – Fruta madura
Raimundo Nonato – Percurso
Sarah Passarela – Mulher
Sônia Sobreira – Tristeza

17º lugar – Adriana Pavani – Bendita seja a água
Amélia da Luz – Colheita
Angélica V. Santos – Amigo
Auriceu Karsten – A vida, o amor e você
Clevane Pessoa – Poeminha da amizade
Dalboni de Ávila – Refluxo
Irenilda P. de Castro – Obra divina
Iva da Silva – O mundo de hoje
João M. dos Santos – Alusão a minha rua
João W Griebeler – Perigosa
Luiz Gondim – Emoções
Mariel da Silva Coelho – Vamos preservar
Matheus Paz – Meus versos de capitão
Rafaela Silveira de Castro – Um sonho
Raimundo Nonato – Incógnito
Selma Marfil – Quando te encontrei

18º lugar – Amélia da Luz – A terceira mão
Auriceu Karsten – Mãe
Bernardo A. Dantas – Se você me perder
Byrata – Stelamaris
Ignez Izquierdo – Viagem
Irenilda P. de Castro – Apenas um sonho
João M. dos Santos – Os galos
Larí Franceschetto – Tropológicos
Letiane Souza da Silva – Jurando a eternidade
Luana Vargas – Lua
Maria Romana – A mensagem dos poetas
Rita Velosa – Quem explica?

19º lugar – Augusto Sperchi – O cego
Brunel da Cruz – As gêmeas
Eliana W. Alyanak – Querubim
Filemon Krause – Falta de classe, Ser maçom
José Vilmar de Medeiros – Retornar
Larissa Machado – Amor só meu
Maria Romana – Deus é amor
Wueslei Colares Costa – Natureza

20º lugar - Antônia N. Vanti – Respingos de sonhos
Auriceu Karsten – Porto do amor
Dalboni de Ávila – Indivíduos bantos sul-africanos
Eliana W. Alyanak - Levo
Ignez Izquierdo – Dor
Irenilda P. de Castro – A cantar no coração
Luana Vargas – Levo
Maria Islair Lages – Mensagem da esperança
Maria Nedy Maciel – Retratos de uma vida
Raimundo Nonato – Ameaça, Alma de poeta

21º lugar – Aparecida de Sales – A vida é uma “divina comédia”
Auri Sudati – Lindo sol de primavera
Dalboni de Ávila – Para Prado Veppo
Clevane Pessoa – Minha alma, amante amada
Luana Vargas – Sublime...

22º lugar – Luana Vargas – Cor padrão, A dor
Eliana W. Alyanak – Carroça
Maria Islair Lages – Diante do espelho
Virgínia Lima Tarouco – Voei, Papai

23º lugar - Antônia Nery Vanti – Incógnita
Lindiara Siqueira Santos – Minha cidade
Rita Velosa – Simples assim

24º lugar – – Adora Padoim – Viver com amor, cantar
Augusto Sperchi – Esperança
João M. dos Santos – O tempo

25º lugar – Adora Padoim – Oração do amigo
Deniz Rolin Fernandes – Encontrão
Diamantino Ferri – Esquecimento
Luana Vargas – Platônico
Postar um comentário